Novo Jetta chega cheio de tecnologias

Novo Jetta chega cheio de tecnologias

– Novo Jetta tem design arrojado e excelente aproveitamento de espaço interno
– Interior tem aparência mais sofisticada e tecnológica
– Motor 1.4 TSI está associado à transmissão automática de seis marchas
– Modelo é conectado em todas as versões
– Lançamento tem as três primeiras revisões grátis e o plano de manutenção mais barato do segmento

O Novo Jetta estreia uma série de recursos: iluminação ambiente da cabine, faróis e lanternas de LED, novas proporções de carroceria, linhas de estilo marcantes e acabamento interno premium.

É um sedã que ultrapassa os limites de seu segmento.

O modelo chega nas versões Comfortline 250 TSI e R-Line 250 TSI, ambas com motor 1.4 TSI Total Flex e câmbio automático. A garantia é de três anos, sem limite de quilometragem, e com as três primeiras revisões gratuitas.

São seis cores: três sólidas (Branco Puro, Preto Ninja e Vermelho Tornado), duas metálicas (Prata Snow e Cinza Platinum) e uma perolizada (Preto Mystic).

Mais espaçoso

Comparado com a geração anterior, o Novo Jetta é mais longo, largo e alto, o que tabmém significa também mais espaço interno. Ou seja, acomoda bem cinco adultos.

Falando em bem-estar a bordo, o Novo Jetta oferece uma das maiores áreas para as pernas dos passageiros traseiros em sua categoria.

Interior mais amplo e sofisticado

O cockpit é um ambiente focado no motorista, com instrumentos e o sistema de infotainment orientados de forma horizontal para proporcionar fácil leitura.

O Jetta R-Line leva o estilo esportivo do sedã um passo adiante. Seguindo a proposta do exterior, a cabine traz ambientação escura, com o teto e as colunas forrados em preto. Harmoniza com a proposta o acabamento acinzentado dos apliques estilo “Fishbone” utilizados no painel e nas laterais de porta. O volante é exclusivo, com base achatada e logotipo alusivo à versão. Na traseira, o destaque fica com os detalhes cromados na parte inferior do para-choque.

Revisão Grátis

Todas as versões do Novo Jetta terão as três primeiras revisões (10.000 km, 20.000 km e 30.000 km) gratuitas. Uma economia na ordem de R$ 1.383 para o cliente. E mais: o plano de manutenção até 60 mil km é de R$ 2.204 – isto é, 40% abaixo do custo médio (R$ 3.665) do segmento.

10 itens de série do Novo Jetta Comfortline 250 TSI

1. Ar-condicionado “Climatronic” com regulagem para motorista e passageiro
2. Luzes de condução diurna (DRL) em LED
3. Sensores de estacionamento dianteiro e traseiro e freio de estacionamento eletromecânico
4. sensor de chuva, seis airbags
5. Bloqueio Eletrônico do Diferencial
6. Sistema Start/Stop
7. Função de Frenagem de Manobra (RBF)
8. Assistente de partida em subidas
9. volante multifuncional e bancos revestidos de couro
10. Sistema de infotainment “Discover Media” com tela de 8”

Conheça o Novo Jetta no site da Volkswagen

 


Conheça o Virtus, novo sedã da VW

  • Primeiro automóvel na América Latina a usar inteligência artificial
    Design, inovação, espaço interno e alta tecnologia;
  • Desenvolvido com foco na América Latina;
  • Menor custo de reparo do Brasil, de acordo com o Cesvi
    De 0 a 100 km/h em menos de 10 segundos

O Virtus chega às concessionárias a partir de fevereiro de 2018, com novas concepções de aproveitamento de espaço interno e conforto. Além disso, o modelo conta com design único e níveis de acabamento que seguem os mais rigorosos padrões de qualidade dos sedãs da Volkswagen no mundo.

São três versões: MSI, Comfortline 200 TSI e Highline 200 TSI. A configuração MSI é equipada com o motor 1.6 de até 117 cv e câmbio manual de cinco marchas. As versões Comfortline e Highline têm motor TSI de até 128 cv e transmissão automática de seis velocidades.

Design forte em todos os ângulos

O Virtus traz linguagem visual exclusiva, desenvolvida com base em pesquisas com clientes e focada na regionalização dos produtos Volkswagen. O destaque da parte dianteira é o vinco que margeia a entrada de ar e corta o espaço entre o conjunto ótico principal e os faróis de neblina. Bem marcada, essa linha de caráter teve como referência o estilo do Volkswagen Arteon, que acaba de receber o prêmio Golden Steering Wheel 2017, um dos mais importantes da Europa e que é promovido pelas publicações Auto Bild e Bild am Sonntag.

No Virtus, as grandes superfícies dos faróis de neblina e indicadores de direção chamam a atenção. Elas terminam em ângulos com contornos tridimensionais. Entre elas ficam duas entradas de ar: uma em forma de “V” no meio e uma segunda entrada estreita que se estende por toda a largura. O resultado é que o Virtus tem visualmente uma “boca” bem ampla graças ao contorno da grade inferior do para-choque.

Não importa de que ângulo seja visto, o Virtus sempre terá um aspecto premium.

Amplo interior e excelente aproveitamento de espaço

Referência no segmento, a distância entre-eixos no Virtus é de 2,65 metros (exatamente a mesma do Jetta atual). Com isso, o Virtus estabelece uma nova referência em conforto e aproveitamento de espaço nas categorias que participa.

O espaço efetivo para as pernas para os passageiros do banco traseiro é de impressionantes 910 milímetros (da base do encosto do assento traseiro até a parte de trás do encosto do banco dianteiro). São 1.390 mm de espaço para os ombros no assento traseiro. Dimensões suficientes para acomodar três adultos no banco de trás com conforto digno dos melhores sedãs médios.

A modularidade dos bancos é outro fator que colabora para a ergonomia e o ótimo aproveitamento de espaço na cabine do Virtus. Mais do que capacidade para acomodar cinco adultos, o sedã Volkswagen pode transportar grandes objetos. A área do porta-malas é de 1 m2, suficiente para guardar uma grande quantidade de malas.

Outro exemplo da funcionalidade da cabine do Virtus é o descanso de braço central (de série a partir da versão Comfortline), que é ajustável longitudinalmente em 100 mm.

Em qualquer versão do Virtus o motorista encontra a posição ideal de dirigir – o assento do condutor tem ajuste de altura de série em todas as versões. Há oferta de regulagem de altura e distância do volante para melhorar ainda mais a ergonomia.

Painel com foco na tecnologia e conectividade

O foco do desenvolvimento da cabine foi no contínuo crescimento da digitalização dos mostradores e controles, assim como da conectividade. Com orientação horizontal, o painel do Virtus promove a interação entre o painel totalmente digital Active Info Display e os sistemas de infotainment.

O Virtus traz a segunda geração do Active Info Display, sistema Discover Media com tela sensível ao toque de 8 polegadas e aparência de smartphone. No Active Info Display, os instrumentos são implementados virtualmente via software. Somente as luzes/ícones na borda inferior do mostrador são instalados em hardware.

O menor índice de reparabilidade do Brasil

O Virtus obteve o melhor índice geral de reparabilidade entre todos os veículos participantes, com classificação 10 (a mesma do Novo Polo, up! e do cross up!), no ranking Car Group 2017, do CESVI Brasil (Centro de Experimentação e Segurança Viária).

Além da melhor reparabilidade, o Virtus chega com o pacote de manutenção mais acessível de seu segmento no mercado brasileiro. O Virtus Highline 200 TSI terá as três primeiras revisões (10.000 km, 20.000 km e 30.000 km) gratuitas. Para as demais configurações, a Volkswagen oferecerá um outro diferencial na categoria: o Virtus MSI e o Virtus Comfortline 200 TSI terão a opção de compra do pacote de Revisões Planejadas a um preço fixo de R$ 1.099 para as três primeiras revisões.

O valor de R$ 1.099 inclui as peças substituídas e itens verificados no serviço de manutenção, além do valor de mão-de-obra na concessionária, representando uma redução (da ordem de 14% para o Comfortline e de 10% para o MSI) no valor total das revisões.

Saiba mais em: https://www.vw.com.br/pt/carros/virtus.html